8 dicas para lidar com chefes difíceis [NSFW]

Antes de começar a leitura, só um toque: não leia no trabalho para evitar maiores conflitos, ok? Quem avisa, amigo é! Dado o recado, agora fica por sua conta e risco.

O trabalho torna-se a nossa segunda casa, já que geralmente passamos mais tempo com os nossos colegas de trabalho do que com a nossa família. Tudo poderia correr bem suavemente, mas nem sempre as coisas rolam assim.

Quero matar meu chefe, mas antes vou ler esse artigo

A cultura organizacional tem estado em cheque nos últimos tempos, já que todo mundo fala em maior flexibilidade no ambiente de trabalho. Isso coloca os chefes à prova para que eles se tornem líderes de verdade.

Infelizmente, vez ou outra, temos de lidar com chefes enrustidos de líderes.

Lidar com essa casca grossa diariamente pode ser um tormento. Aí você só tem duas saídas: se demitir – o que quase nunca está em questão – ou usar as nossas incríveis táticas para aprender a conviver com a criatura da maneira mais respeitável possível!

Tática 1 – Não leve para o pessoal

É difícil, sabemos bem. Mas tente entender que o comportamento do seu chefe pode ser devido a medo, pressão no trabalho vindo do superior dele, insegurança ou frustrações pessoais. Não é nada relacionado a você. É um problema dele – e só dele.

Tática 2 – Comunique-se da melhor forma

Redobre a atenção na hora de se comunicar com o seu chefe. Seja o mais claro e objetivo possível para que não caiba segundas interpretações – o que nos leva a terceira tática.

Tática 3 – Formalize TUDO

Conversou com o chefão e algo foi combinado? Formalize por escrito. Envie aquele e-mail maroto para evitar esquecimentos (da sua parte ou da dele) ou para que algo combinado verbalmente não seja usado contra você mais tarde. Formalizar tudo via e-mail é uma tática que você deve levar para a vida. O combinado não sai caro, já dizia os nossos pais.

Tática 4 – Tente ver o outro lado

As vezes o seu chefe está passando por um período conturbado na vida sem lidar emocionalmente bem com isso. Aí, ele passa a se comportar como um troglodita. Pessoas são falhas, e errar é humano. Tenha paciência.

Tática 5 – Finja demência

Pare de se irritar com o seu chefe e azedar o seu humor logo pela manhã! Ele é do jeito que é, portanto, se você se irritar toda vez que ele fizer algo, você vai se irritar sempre. Finja demência e evite entrar em conflitos. Brigas não vão resolver o problema ou fazê-lo mudar de comportamento, pelo contrário, só irá aumentar a fúria dele. Então, para não aumentar a sua, releve.

Tática 6 – Cumpra com as suas obrigações

Faça o seu trabalho da melhor forma possível, entregue tudo dentro do prazo e evite de todo jeito dar qualquer motivo para ele reclamar. Algum job vai atrasar? Avise com antecedência e informe o motivo.

Tática 7 – Não queime oportunidades

No calor do momento falamos muitas coisas que não devemos. Quando for assim, vá respirar um ar fresco e colocar a cabeça no lugar. Não queime futuras oportunidades por causa de um momento. Mais tarde, esse mesmo chefe pode te ajudar em alguma promoção. Se você respondê-lo na mesma moeda, ele pode te queimar e até causar a sua demissão. Namastê.

Tática 8 – Imponha limites

Apesar de estarmos te aconselhando a relevar, isso não significa que você deve abaixar a cabeça em situações extremas como xingamentos, ofensas, assédio e outras situações semelhantes. Você pode impor respeito sem precisar ser desrespeitoso como ele. Por mais que você precise do emprego, não se coloque em situações degradantes, tá bom?

Nenhum CNPJ vale um AVC #fikdik


Coloque essas táticas em prática e dê tempo ao tempo, você provavelmente verá uma mudança positiva acontecer. Pode não ser uma mudança no seu chefe, mas com certeza uma mudança acontecerá com você 🙂

Se o bicho pegar, procure hoje mesmo uma empresa que dê match com você <3

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *