Como pedir demissão em 8 passos

Como pedir demissão em 8 passos

Se você tá afim de pedir demissão mas não sabe o como fazer isso, esse post é pra você. Saiba como pedir demissão em 8 passos bem simples – e pacíficos!

Qual é a melhor maneira de pedir demissão? Essa dúvida é bem recorrente na cabeça do pessoal.

Pedir demissão nem sempre é fácil. Mesmo que você não goste do seu trabalho, odeie seu chefe ou queira mudar de carreira. É ainda mais difícil se você ama seu trabalho, mas decidiu que é hora de mudar. 

Se você odeia o seu emprego, essa pode não ser uma boa razão para pedir demissão, a menos que você tenha outro emprego em vista. Dito isso, se você tem razões legítimas para deixar seu emprego, continue a leitura. 

De um modo geral, é importante sair e deixar a porta aberta. Você não sabe do futuro, e lá na frente, talvez você venha a trabalhar novamente com alguns dos seus colegas atuais ou até se tornar cliente.

Saiba agora como pedir demissão de uma forma sadia e profissional sem ficar em saia justa.

1. Avise ao menos com uma semana de antecedência

Avisar a demissão com uma semana de antecedência é a prática padrão ao se demitir de um emprego. Entretanto, em alguns casos, pode ser necessário que você dê mais tempo ao aviso prévio. Se você tem um contrato de trabalho ou acordo sindical que declara o tempo de antecedência da notificação antes da demissão, cumpra o contrato. 

Tenha em mente que a sua empresa precisa de alguém para substituí-lo. Se você não pode oferecer um período muito longo, negocie um acordo.

2. Não abandone as suas tarefas

Faça um levantamento de todas as tarefas que estão sobre a sua responsabilidade e as que estão em andamento. 

As que estão em andamento, finalize antes de sair. As demais, converse com o seu chefe, expondo que não será possível realizá-las pois você não terá tempo suficiente. Assim, ele irá tomar as devidas providências.

3. Deixe tudo organizado

Organize arquivos e pastas do seu computador. Suba-os na nuvem, se possível. Dê acesso de login/senha do seu computador e demais softwares da empresa que você utiliza.

No último dia, mostre ao seu chefe ou o colega que ficará responsável por suas tarefas, como estão organizados os seus arquivos. Liste todas as tarefas que estão realizadas, onde eles podem encontrar um arquivo X ou Y. De um modo geral, não os faça depender de você. Afinal, você está de saída.

Portanto, seja camarada e deixe tudo organizado.

4. Faça backup

Antes de pedir demissão ao seu chefe, não se esqueça de salvar os arquivos que você deseja em algum serviço de nuvem.

Você pode não ter acesso ao seu computador assim que entregar a sua demissão. Portanto, tenha cópias de tudo o que você precisa antes de dizer adeus.

5. Escreva uma boa carta de demissão

É de praxe de algumas empresas pedirem a carta de demissão. E uma carta de demissão bem escrita pode ajudar a garantir que sua demissão corra bem. Pois, você pode precisar de uma referência do seu chefe no futuro. É também um documento que se tornará parte do seu arquivo de emprego e deve ser escrito de acordo.

Não coloque ali as suas frustrações ou raiva. Você está de saída e independentemente do que tenha acontecido para você pedir demissão, evite informar na carta.

Algumas empresas oferecem um modelo de carta de demissão, verifique com o RH da sua empresa, se é o caso. 

6. Tire suas dúvidas sobre a rescisão

Quando você pedir demissão, é importante verificar o que será pago. Verifique quanto foi o seu último salário, benefícios, se há férias acumuladas etc. 

Aborde todos os detalhes da rescisão que precisam ser tratados antes de sair da empresa.

7. Como dizer adeus aos seus colegas de trabalho

Reserve um tempo para escrever um e-mail agradecendo a todos que o ajudaram e o apoiaram. E claro, aproveite para informar seus contatos pessoais como telefone e e-mail para manter a relação fora do escritório.

Aqui não é lugar de você aproveitar o gancho e revelar os motivos que o levaram a sair. É apenas um ato de carinho e amizade por todo o tempo que passaram juntos e o quanto essa experiência o fez crescer.

8. Prepare-se para a entrevista de desligamento

Uma das perguntas que normalmente é feita em uma entrevista é “Por que você está deixando o seu emprego?” 

Tenha cuidado para não ser muito emotivo e mostrar falta de profissionalismo ao citar eventuais crises e conflitos que você teve de enfrentar. Assim, escolhendo bem as palavras e o tom, você conseguirá ser honesto em suas respostas e manter o profissionalismo.


Quando você pedir demissão, é importante que a conversa seja o mais amigável e profissional possível. Primordialmente, saia, mas deixe uma porta aberta. Não vale a pena, principalmente na saída, criar caso e se estressar com uma situação que não fará mais parte da sua rotina.

Tire as boas lições dessa experiência, supere e abrace a nova oportunidade. A vida é muito curta para guardar mágoas.

E se você estiver em busca de um novo emprego, o Bettha pode te ajudar! Aqui você encontra as vagas que dão match com você – além de encontrar conteúdos exclusivos para aumentar a sua empregabilidade.