O que fazer para ser um profissional de mídias sociais?

As mídias sociais conectam pessoas de ponta a ponta, independentemente de continente. Ajudam a encontrar o par para juntar as escovas de dente. Deram voz a multidões e tiveram um papel crucial em eleições políticas.

E elas também transformaram a paixão por comunidades e conteúdo em profissão.

Ser um profissional de mídias sociais é o sonho de muitos jovens que gostam de internet, produzir conteúdo para essas plataformas e estão por dentro da cultura pop e geek.

Mas muitos não sabem como iniciar na profissão, já que não há uma graduação específica na área, apesar de existirem muitas pós-graduações com foco em produção de conteúdo e estratégias para mídias sociais.

Confira esse passo a passo para você ser o melhor profissional de mídias sociais <3

Formação

Não há uma graduação específica, como mencionamos. Mas algumas graduações facilitam a entrada na profissão: publicidade e propaganda e jornalismo são duas faculdades que podem favorecer a sua entrada na área.

Mas vale dizer que somente essas formações acadêmicas não são suficientes para trabalhar com mídias sociais.

O curso de publicidade e propaganda dá um bom embasamento – mas não basta. Você terá de estudar muita coisa por conta própria e fazer cursos complementares.

Justamente por esses cursos não serem exclusivos para trabalhar com mídias sociais, o mercado aceita outras formações.

Por exemplo:

“Sou formada em TI, mas antes de cursar a faculdade, eu já estudava mídias sociais e comunicação por livros e cursos. Fiz trabalhos em blogs e freelas de social media para criar um portfólio. Isso me abriu portas e minha formação deixou de ser um empecilho para as empresas, que começaram a confiar no meu trabalho.”

Larissa Florindo hoje é copywriter e trabalha em uma startup, mas já passou pelo mercado publicitário como social media, chegando a ser coordenadora da área.

O pulo do gato é estudar por conta própria. Isso ajuda a se tornar um profissional de mídias sociais, mesmo sem ser formação na área de comunicação.

Por onde começar?

Cursos

Cursos de produção de conteúdo, branding, marketing digital e mídia devem ser os primeiros para que você possa evoluir com propriedade.

Fizemos uma seleção de +300 cursos gratuitos na internet com várias instituições reconhecidas no mercado e que oferecem cursos de mídias sociais. É aquele link para salvar do lado esquerdo do peito 🙂

Portais do mercado

Sites como Meio & Mensagem, YOUPIX, B9 e Proxxima são excelentes fontes de notícias do mundo da publicidade, comunicação e mídias sociais.

Livros

Livros são verdadeiras aulas, pois oferecem cases, estudos e outras informações que ajudam a moldar o profissional de mídias sociais.

Nossas sugestões para você iniciar na leitura:

Eventos

Eventos são poderosos meios de aprendizados, te conectam a outros profissionais da área e aumentam o seu networking. Alguns grandes eventos da área:

Acompanhe profissionais da área

Acompanhar profissionais que já estão no mercado há mais tempo, ajuda a se aprimorar e trocar ideias valiosas para que você seja um profissional cada vez melhor. Alguns profissionais que valem seguir:

Skills

Trabalhar em mídias sociais exige uma mistura de criatividade, análise e conhecimento das tendências da mídia.

Na verdade, combinar essas três coisas de forma eficaz é a chave para uma carreira de sucesso nas mídias sociais.

Você tem que ser criativo e atencioso e ser capaz de se adaptar rapidamente, porque é uma indústria que muda rapidamente.

Seja um especialista em mídias sociais

Ser bem sucedido como profissional de mídia social começa com o conhecimento de seus canais. Isso significa que você deve ser um hard user para entender o uso mais eficaz de cada canal e definir metas específicas para cada um.

Por exemplo, se o Facebook é o maior driver de tráfego de site, saber o que impulsiona o engajamento nesse canal (e como capitalizar isso) deve ser sua principal prioridade.

dica bettha: saber o que não funciona é tão importante quanto saber o que funciona. Por isso, mantenha-se atento aos resultados que você obtém e ao comportamento dos usuários! Caso perceba que determinada ação não está obtendo os resultados esperados, mude de estratégia!

Saiba o que as empresas estão fazendo

Monitore o que as marcas estão fazendo em suas mídias sociais. Como é a comunicação e a identidade? Que tipo de conteúdo elas produzem?

Não foque apenas em marcas de um único segmento. Procure por supermercados, lojas de roupa, shoppings, negócios corporativos, empresas de tecnologia, artistas etc.

Dessa forma, você entenderá as variadas comunicações, poderá se inspirar e ter novas ideias.

Seja analítico

Não adianta gostar apenas de produzir conteúdos legais, você precisa ser analítico e gostar de números.

Você terá de monitorar o desempenho das mídias sociais e campanhas, e terá de entender métricas e indicadores para saber identificar se a estratégia está indo bem ou não.

Aprenda os conceitos básicos de design gráfico

Embora as habilidades de design gráfico não sejam “obrigatórias” para uma posição nas mídias sociais, tê-las definitivamente ajudará você a realizar seu trabalho com mais eficiência.

Afinal, você irá criar as peças em conjunto com o designer, e para isso você precisa saber colocar a ideia no papel. Ter os conceitos te ajuda a criar peças mais atraentes e que passem a mensagem que você quer transmitir.

Acompanhe os #trends

As mídias sociais e o comportamento humano mudam frequentemente. O que está na boca do povo hoje, não estará amanhã.

Ficar por dentro das novidades e recursos de cada mídia social, dos memes e tendências desse universo te ajuda a criar conteúdos nos mais diferentes formatos e a ter resultados positivos.

Seja comunicativo

Por mais que a comunicação realizada por esse profissional seja no ambiente da internet, é fundamental que ele saiba se expressar bem, tanto verbalmente quanto na escrita.

Esse profissional está em constante contato com o público, clientes e trabalha intimamente com outros colegas de trabalho para que o conteúdo seja feito por várias mãos. Uma comunicação limitante dará em um trabalho limitante.

Embora não exista uma fórmula mágica para ser um profissional de mídia social, seguindo essas etapas, você maximiza o engajamento e aumenta o reconhecimento da sua marca.

Absorva culturas

O profissional de mídias sociais deve conhecer todo tipo de cultura e absorvê-las. Esse conhecimento cultural ajuda a entender melhor o público e a como engajá-lo. Assim, é possível produzir conteúdos que estejam de acordo com a empresa e seus clientes.

Escute todo o tipo de música, inclusive as que você não gosta. Conheça quais filmes e séries estão fazendo sucesso e porque.

Todo o conhecimento cultural importa e auxilia a você produzir conteúdos ricos.

Não tenha preconceitos

Hoje em dia as empresas estão se posicionando a causas sociais e você deve entender bem cada uma delas.

Feminismo, LGBTQ e movimentos negros, são alguns exemplos que você deve estar por dentro. E o preconceito não entra.

The future is digital

O profissional de mídias sociais pode começar como estagiário e ir avançando na carreira como analista jr, pleno e sênior. Após isso, surgem as carreiras de liderança como supervisor, coordenador e gerente de mídias sociais.

Por ser uma área um tanto diversa, esse profissional acaba abrangendo o digital como um todo. Os cargos vão se tornando mais estratégicos e focados na criação de campanhas, e não em posts para o Facebook, por exemplo.


Se você realmente nasceu para ser um profissional de mídias sociais, invista em um bom currículo e crie um portfólio – requisito para participar de processos seletivos.

Mesmo que você ainda não tenha tanta experiência na área, selecione empresas que goste e crie a comunicação de cada uma. É uma forma de mostrar o seu trabalho, mesmo que você ainda não tenha atuado na área.

Temos várias vagas em mídias sociais! Vem se candidatar 🙂