,

Fit cultural – o match entre uma empresa e um candidato

Assim como as pessoas, as empresas têm personalidade – a sua cultura de negócios. Os líderes estão reconhecendo cada vez mais a importância de contratar pessoas que tenham atributos de personalidade correspondentes aos valores e crenças da organização. Assim, para que ocorra essa compatibilidade, deve haver o fit cultural entre candidato e empresa.

A contratação de um indivíduo com cultura adequada garante a conexão entre o candidato e os valores e normas do negócio. Dessa maneira, funciona nos dois sentidos.

O que é fit cultural?

A cultura organizacionalpode ser interpretada desde os valores e as crenças dos fundadores até a força coletiva dos funcionários, assim como as interações entre a gerência e a equipe no ambiente em que trabalham.

É como um ecossistema que envolve uma rede complexa de organismos e componentes, que inclui seres humanos, tecnologia, ferramentas e tantas outras coisas que precisamos para trabalhar.

Assim como há variações nas personalidades dos indivíduos, a cultura de negócios varia de empresa para empresa. É por isso que algumas pessoas se encaixam em um conjunto de valores de negócios e em um ambiente de trabalho específico, mas não em outros.

Portanto, o fit cultural é essencialmente uma questão de combinar pessoas com a cultura empresarial.

Parece simples, mas é muito importante entender que a contratação com fit cultural não significa recrutar pessoas idênticas. O fit cultural não deve ser usado para discriminar a diversidade.

A organização que opta por contratar levando em consideração o fit cultural deve entender que o negócio precisa de perfis distintos para chegar ao sucesso, e não de clones.

5 razões pelas quais o fit cultural é importante

Há uma certa confusão no mundo corporativo quando trata-se sobre como contratar com base no fit cultural. Uma ampla maioria des líderes de RH concorda que a contratação a partir do fit cultural é crucial, e aqui estão cinco razões para isso:

Retenção de pessoal

Como gastamos mais de um terço de nossas vidas no trabalho, é importante que os funcionários se sintam felizes e conectados nesse ambiente. Caso contrário, você terá um problema de retenção de pessoal em suas mãos.

O fit cultural é o aspecto mais importante da retenção de funcionários. Os funcionários que não combinam bem com os valores de sua organização, não ficarão satisfeitos, tendendo a criar um ambiente de tóxico até que peçam demissão.

Conheça 9 maneiras de melhorar a qualidade de vida dos seus funcionários!

Engajamento dos colaboradores

Quando as crenças de um funcionário estão em sintonia com as da empresa, é mais provável que ele seja mais comprometido e trabalhe duro, de forma a vestir a camisa da empresa.

As pessoas que estão em empregos que correspondem à sua personalidade são mais confiantes e competentes. Esse nível de engajamento dos funcionários é fundamental para o sucesso dos negócios.

Desempenho e produtividade

Empresas com uma cultura forte e colaboradores que acreditam nos objetivos e valores do negócio, geralmente são mais produtivos. Já uma cultura fraca pode refletir na falta de produtividade da equipe.

Sinergia

Uma equipe que trabalha em conjunto com os mesmos valores funciona melhor e está alinhada com os mesmos objetivos do que uma equipe com prioridades desconexas.

Diferenças profissionais e pessoais são muito mais fáceis de resolver em equipes nas quais os funcionários estão comprometidos com valores semelhantes.

Comunicação

Organizações com uma cultura forte geralmente estão interessadas em processos de trabalho colaborativos e comunicação aberta. Quando os valores são alinhados, os funcionários naturalmente acham mais fácil se comunicar.

Contratando candidatos com o fit cultural da empresa

Defina os valores da empresa

O primeiro passo na contratação de fit cultural é poder identificar quais valores, normas e práticas definem o seu negócio.

Liste três ou quatro principais comportamentos para o sucesso de um candidato em sua organização. Esses comportamentos são a cultura de sua empresa traduzida nas operações diárias.

Defina os pré-requisitos para a vaga

Uma vez que a cultura de sua empresa esteja definida, ela deve ser claramente expressa em todos os seus materiais de comunicação – incluindo o site e os anúncios de emprego. Por essa razão, seus anúncios devem refletir sua cultura e seus valores.

Para isso, enfatize algumas dos pré-requisitos qualitativos que você deseja em um candidato.

Por exemplo: além de procurar por X anos de experiência, diga que você está procurando por alguém que seja inovador ou centrado no cliente – ou quaisquer características que refletem a sua cultura.

Conduza uma boa entrevista

Muitas empresas falam sobre a sua cultura de maneira formidável durante a entrevista, mas na verdade, esse assunto dentro da entrevista tornou-se muito robótico.

Os candidatos mais antenados sabem disso. Dessa forma, chegam com as respostas prontas para o tema cultura – o que mostra que tanto as perguntas da entrevista quanto as respostas são padronizadas.

Como estruturar perguntas da melhor forma possível para uma entrevista? Clique aqui e confira!

Para sair do “mais do mesmo”, deixe o candidato dar uma olhada em sua cultura em tempo real: deixe-o andar pelo escritório e conhecer o ambiente, a equipe, mostrando a ele onde o trabalho real acontece.

Quando você chegar na sala de entrevista, faça a pergunta: “O que você estava pensando enquanto caminhávamos pelo escritório?”

Se você receber uma resposta mais elaborada do que uma resposta clichê, há uma boa chance de você ter encontrado um candidato que tenha fit cultural com a sua empresa.

O objetivo final é identificar e contratar os melhores candidatos cujas habilidades e atributos correspondem aos valores centrais da organização.

Esse objetivo é viável quando as organizações têm uma cultura baseada em valores positivos. Assim, devem ser abertos o suficiente para permitir que uma seleção diversificada de pessoas ocorra, incorporando-os à sua maneira.

36 perguntas para avaliar o fit cultural

1 – O que te deixa animado para vir ao trabalho?

2 – Qual foi o último livro que você leu que achou ótimo?

3 – O que surpreende as pessoas sobre você?

4 – Se você fosse começar o seu próprio negócio, qual seria?

5 – O que você mais gostou / menos sobre sua última empresa?

6 – Quando foi a última vez que você cometeu um grande erro no trabalho?

7 – Como um gerente poderia apoiá-lo melhor?

8 – Descreva o melhor / pior exercício de formação de equipe que você já participou.

9 – Como você lida com o estresse ou prazos apertados?

10 – Quais são seus planos para os próximos cinco anos?

11 – Quais são as três coisas que você precisa para ter sucesso nessa posição?

12 – Quais blogs ou sites você acessa regularmente?

13 – O que você faz para se divertir?

14 – Você ainda é amigo de algum colega da empresa anterior?

15 – Como você mudou nos últimos cinco anos?

16 – O que te motiva a dar o seu melhor no trabalho?

17 – Como você prefere se comunicar com os colegas de trabalho?

18 – Qual foi a lição mais valiosa da sua carreira profissional?

19 – Descreva seu emprego dos sonhos.

20 – O que é uma cultura de empresa de sucesso para você?

21 – O que mais te atrai sobre esse função?

22 – Quem te inspira e por quê?

23 – Como você descreveria a cultura de nossa empresa?

24 – Quais são as três palavras que um gerente atual / colega / subordinado direto usaria para descrevê-lo?

25 – Como você lida com as decepções?

26 – Se você não conseguir essa posição, qual será seu próximo passo na carreira?

27 – Quais ferramentas ou aplicativos permitem que você trabalhe de forma mais eficiente?

28 – Com quais valores fundamentais da nossa empresa você mais / menos se identifica?

30 – Como você gerencia conflitos com colegas de trabalho?

31 – Que papel a gentileza / empatia / humor desempenha no trabalho?

32 – Você prefere trabalhar sozinho ou com uma equipe?

33 – Como você descreveria seu estilo de liderança?

34 – Qual seria o seu horário de trabalho ideal?

35 – O que você mudaria em nosso escritório / site / processo de contratação / modelo de negócios?

36 – Por que você escolheu se candidatar aqui?


Quando o fit cultural é usado para contratar uma força de trabalho homogênea, resulta em falta de diversidade. Dessa forma, os resultados se manifestam em baixa criatividade, prejudicando a competitividade do negócio.

O fit cultural de uma empresa é um poderoso impulsionador do sucesso nos negócios. É a chave para o engajamento, desempenho e produtividade dos colaboradores.

Qual é o fit cultural da sua empresa? Conte nos comentários 🙂