Sistema de contratação: 5 benefícios de utilizá-lo em seu processo seletivo

Construir um time diversificado com perfis complementares que possuem soft skills para transformar a rotina de trabalho é um desafio gigante para a área de RH.

Planejamento, organização, atenção aos detalhes, alinhamento com o departamento que o futuro profissional irá trabalhar e mapeamento de perfil são algumas das características essenciais de um bom sistema de contratação.

5 benefícios de utilizar um sistema de contratação

Destacamos os cinco principais benefícios para você aderir à inovação na aquisição de talentos:

1. Aumento de produtividade

A busca pelo perfil ideal pode ser confusa, longa e pouco proveitosa. Agora imagine contratar ao mesmo tempo três profissionais? Multiplique essa confusão por três e o resultado dará em ineficiência.

A rotina do RH já é repleta de tarefas que tomam bastante tempo. Quando o recrutamento é feito sem um sistema de contratação, o RH tende a perder tempo com perfis que não são minimamente esperados pelo departamento.

Um bom sistema de contratação deve diminuir as etapas mais operacionais para que o profissional tenha tempo para o que importa: encontrar o perfil ideal e entrevistá-lo.

2. Modernidade no processo de contratação

Modernizar significa ganhar tempo, dados e desburocratizar todo o processo que até então, por conta da quantidade de tarefas e complexidade que a atividade exige, gerava falhas e custos adicionais para a empresa.

Quando se usa um sistema de contratação, a ferramenta faz todo o trabalho manual para otimizar o tempo do RH e assim, evitar que os processos seletivos se prolonguem mais do que o necessário.

3. Melhor match com os profissionais que fazem sentido para o perfil esperado e cultura da empresa

O match vai além do Tinder. Ele entra também no ecossistema de Recursos Humanos quando o objetivo é recrutar.

No meio de tantos profissionais e perfis tão distintos, é difícil encontrar o perfil ideal que tenha o conhecimento técnico e as habilidades que o cargo exige, mas graças a tecnologia e os seus algoritmos, esse desafio tem sido menos sofrido.

Com o preenchimento de um questionário, e com a realização de algumas trilhas de conhecimento, começamos a ver profissionais que se adequem ao que o negócio exige.

Um bom sistema de contratação deve automatizar essa etapa para que o profissional de RH ganhe tempo em avaliar quais são os melhores candidatos.

4. Employer Branding

Construir e manter uma imagem positiva entre colaboradores e talentos que você está de olho no mercado ajuda a atrair perfis qualificados e que veem valor no propósito da empresa. Essa estratégia diminui à redução de custos nos processos de seleção e contratação.

Um projeto de employer branding deve ser construído a partir dos pilares estratégicos da empresa e da sua cultura organizacional. A missão, visão e valores devem estar claros em cada ação, comunicação e campanha.

O sistema de contratação ideal deve permitir que o RH trabalhe o employer branding sem burocracia e aproximando o profissional que a empresa busca com facilidade.

Branded Education

Engajar o perfil que você busca ter na empresa através da educação é uma abordagem mais humanizada da empresa.

De certa forma, a empresa não deixa de ser uma marca e do mesmo modo que marcas criam estratégias para educar o seu consumidor, a empresa que está recrutando deve ter a mesma tática para atrair os melhores talentos. Vale a pena porque eles já chegam conscientes da cultura que irão encontrar na empresa e das soft skills que devem possuir.

Fazer tudo isso através de inovação, aprendizado constante e algoritmos inteligentes é ainda melhor, não é?

O Bettha é uma nova maneira de se relacionar e contratar profissionais que estão com sede de conhecimento e por oportunidades incríveis. Deixe que os nossos algoritmos façam o trabalho operacional por você! 🙂