, ,

Trabalho flexível – o incentivo que falta para a sua empresa

Se você conhecesse o segredo para aumentar a produtividade, a longevidade e o reconhecimento da sua empresa, você não faria as alterações necessárias para alcançar esses resultados? O trabalho flexível pode ser o “ingrediente” possível de gerar todos esses resultados! Confira!

A QuickBooks realizou uma pesquisa em 2018 sobre salários e benefícios. Perguntou a 1.000 funcionários sobre sua satisfação e quais benefícios eles prefeririam de seu empregador.

Uma das perguntas foi: “qual incentivo o motivaria mais?”. Tente adivinhar a resposta.

Se você achou que foi aumento salarial, errou.

Embora o dinheiro fosse importante, 76% dos entrevistados escolheram um horário de trabalho flexível como o melhor incentivo que a empresa poderia oferecer!

O trabalho flexível está se tornando cada vez mais comum em empresas, startups e grandes corporações. Assim, é considerado um privilégio destacado em diversas pesquisas da linha “melhores empresas para se trabalhar”.

Isso porque os funcionários querem um emprego que lhes dê flexibilidade para agendar consultas médicas durante o horário de trabalho, cuidar dos filhos doentes quando necessário e muito mais.

Por que as empresas não oferecem flexibilidade? O que elas perdem com isso?

O trabalho flexível não é apenas desejado, mas também esperado por muitos candidatos a um emprego, especialmente os trabalhadores remotos.

Se muitos funcionários desejam ter trabalho flexível, por que as empresas não oferecem?

Para alguns, pode ser uma falta de compreensão – tanto do que o horário de trabalho flexível significa para os funcionários, quanto de como implementar essa política.

Horários flexíveis otimizam o dia de trabalho e melhoram a produtividade

Ter um trabalho flexível pode ser uma dádiva para muitos que buscam equilibrar a vida pessoal e profissional.

Os efeitos são perceptíveis nos primeiros dias: produtividade, foco, qualidade no sono, melhores entregas, mais energia e disposição e claro, mais tempo.

O trabalho flexível permite estar presente com a família e a otimizar o dia e sua carga de trabalho.

Faça o trabalho flexível ser o próximo incentivo da sua empresa

Por mais que o trabalho flexível permita um ritmo próprio, é importante estabelecer regras. Dessa forma, devem existir políticas que favoreçam a prática de maneira democrática e sem caos para todos.

Isto é, os funcionários devem trabalhar um número prescrito de horas por período de pagamento ou dia, e estar presentes durante um “horário base” diário.

A partir daí, é uma questão de definir metas e métricas realistas para ver se essas expectativas estão sendo atendidas.

Vantagens e desvantagens do trabalho flexível para o funcionário

Vantagens

Flexibilidade para atender as necessidades da família, obrigações pessoais e outros compromissos

O trabalho flexível permite ir a uma conferência de pais e professores durante o dia, fazer uma aula de ioga ou estar em casa quando o profissional da operadora vier para arrumar a internet.

Consumo reduzido de tempo de deslocamento dos funcionários e custos de combustível

Em algumas áreas, trajetos de mais de uma hora em cada sentido não são incomuns. Se os funcionários tiverem flexibilidade para chegar no escritório, isso economizará tempo de viagem e combustível.

Maior sensação de controle pessoal sobre o cronograma e o ambiente de trabalho

Uma das razões pelas quais as pessoas gostam de trabalhar sozinhas é a questão do controle. Ao permitir que os funcionários determinem sua própria agenda e ambiente de trabalho, você apela o espírito empreendedor que há em cada um.

Reduz o desgaste do funcionário devido a sobrecarga

Flexibilidade significa que os funcionários podem fazer uma pausa quando precisam, sem temer retaliação por parte do chefe.

Mais produtividade

Os funcionários escolhem o período que possuem mais energia e foco para trabalharem com mais disposição.

Desvantagens

Falta de sincronicidade

Alguns funcionários podem achar difícil trabalhar quando os colegas não têm o mesmo horário. É por isso que muitas empresas devem exigir dias ou horas-chave para que todos estejam no escritório.

Não há delineação clara entre trabalho e vida pessoal

Quando você usa horários flexíveis, às vezes, isso significa trabalhar o tempo todo. Se o líder permite a flexibilidade de ir ao jogo de futebol de seu filho, ele também pode não se sentir culpado por ligar para o funcionário às 21h30.

O cuidado precisa ser redobrado para que a flexibilidade não seja desculpa para pedir entregas em horários não convencionais. A flexibilidade, quem controla com algumas regras vindas da empresa, é o funcionário.

6 vantagens do trabalho flexível para a empresa

Renato Xavier, diretor de operações da Cesta Nobre, indica 6 vantagens do trabalho flexível que devem ser consideradas por qualquer empresa:

Menos faltas

A curto prazo é notável a redução de faltas e atrasos. Afinal, com um horário flexível, o funcionário consegue conciliar trabalho e vida pessoal da melhor forma.

Maior produtividade

Pessoas são produtivas em horários diferentes, é fato. Com um trabalho flexível, cada funcionário escolhe o momento mais produtivo para trabalhar. Essa vantagem não é exclusiva do colaborador, mas também da empresa.

Redução de horas extras

Horas extras e banco de horas diminuem drasticamente, pois os funcionários trabalham nas suas melhores horas. Assim, conseguem realizar mais atividades dentro do expediente.

Essa é uma vantagem bem atraente para a empresa. A flexibilidade, então, diminui os gastos com pagamentos e encargos, além de contas de água, luz etc.

Colaboradores mais satisfeitos

Essa rotina oferece uma vida mais saudável e mais equilibrada com os compromissos pessoais e profissionais. Dessa forma, os funcionários ficam mais felizes e satisfeitos com a rotina e com a própria empresa.

Quer saber mais sobre como deixar os colaboradores mais felizes? Clique aqui e descubra 9 formas de melhorar a qualidade de vida da equipe!

Retenção de talentos

O trabalho flexível torna-se um motivo com grande peso na hora de sair para um novo emprego. Geralmente, funcionários optam por permanecer na empresa devido a esse benefício.

Melhora do clima organizacional

Funcionários mais produtivos, felizes e satisfeitos, consequentemente tornam o ambiente de trabalho melhor.

A cultura torna-se mais colaborativa e potencializa o sucesso do negócio.

O que você deve fazer e não fazer quando o assunto é trabalho flexível

Disposto a dar uma chance? Aqui estão algumas primícias que devem ser feitas e alguns alertas do que não devem ser realizados na hora de implementar uma estratégia de trabalho flexível bem sucedida e benéfica, tanto para a empresa quanto para os funcionários:

Faça: comece aos poucos

Se o medo é um dos impedimentos de você oferecer trabalho flexível, vá devagar. Ofereça um dia específico, como a sexta-feira, para implementar a flexibilidade e aumente pouco a pouco o horário flexível para os demais dias.

[!] Não faça: “disciplinar” os funcionários por chegarem alguns minutos depois do “horário base”

Lembre-se, isso é sobre flexibilidade, não provando quem detém o poder. Nada vai azedar o seu novo “incentivo” do que sentimentos de medo ou raiva em torno do que deveria tornar a cultura da sua empresa mais atraente.

Faça: alinhe com a equipe

Se os horários flexíveis forem novos, não espere 100% de sucesso nas primeiras semanas.

Estabeleça métricas alinhadas com sua equipe e responsabilize as pessoas se essas métricas não forem cumpridas. Mas antes de fazer qualquer coisa drástica, fale com seu pessoal e deixe que eles descubram como melhorar os resultados abaixo da média.

[!] Não faça: excluir departamentos sem um bom motivo

Existem departamentos de qualquer negócio em que estar no escritório em um horário específico é absolutamente necessário, mas isso não significa que não haja oportunidade de flexibilidade. Por essa razão, vale estudar caso a caso.

Se realmente o trabalho flexível não é possível para algum departamento, considere uma alternativa que permita que alguns membros da equipe trabalhem em casa em determinados dias. Ou dê aos membros da equipe incentivos divertidos para que evitem sentimentos de raiva ou exclusão.

Faça: Reconheça as realizações da equipe

É mais fácil saber quando os colegas de equipe progridem quando estão a poucos metros de você, trabalhando nas mesmas horas todos os dias. No entanto, é necessário um esforço maior para descobrir as conquistas de seus colegas quando você tem horários de trabalho diferentes.

Capacitar todos a dar reconhecimento aos funcionários é uma ótima maneira de ser transparente sobre o sucesso da equipe, promover a valorização, criar objetivos e melhorar o humor de todos.

Um incentivo que pode mudar tudo

A retenção e engajamento de funcionários é impulsionada por uma variedade de fatores como pagamento justo, aumentos anuais baseados no desempenho, bônus e uma boa liderança.

Mas o equilíbrio entre vida pessoal e profissional, por sua vez, geram mais saúde mental, física e emocional aos funcionários. E não há dinheiro no mundo que pague isso.

Se a empresa começar a focar nas necessidades dos funcionários, o negócio será mais bem sucedido, inovador e com certeza mais feliz.